http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Stock Car: Átila Abreu parte da segunda fila em Curitiba

“Em condições normais, foi nossa melhor tomada de tempo no ano”, sustenta o piloto da Mobil Super Racing

Átila Abreu vai largar em quarto na prova de abertura da rodada dupla da décima etapa da Stock Car neste domingo em Curitiba. O competidor da equipe Mobil Super Racing cravou 1min18s703 em sua melhor passagem pela pista de 3.695 m, na jornada que definiu como “nossa melhor tomada de tempo no ano”.

imagem_release_518895

A posição na segunda fila além de permitir ao sorocabano lutar pelos pódios nas duas corridas, é fundamental porque os carros que vêm à frente estão na disputa direta pelo título da temporada 2015.

“Em condições reais foi nossa melhor tomada do ano”, frisou o piloto, que largou da pole na abertura da temporada quando o grid foi definido pela soma dos tempos dos pilotos regulares e dos convidados. “O tempo do Marquinhos acho que não tinha como eu virar, mas o do Cacá acredito que daria para buscar. O carro vinha balançando um pouco de traseira, mas de qualquer maneira ficou muito mais competitivo. Nos treinos livres ficamos sempre em torno do décimo lugar e evoluímos na tomada. Por toda a dificuldade do ano arrisquei um pouco mais na tomada e consegui uma volta muito boa”, disse Átila.

Ele destacou a evolução do Chevrolet #51, que estreou um chassi novo na etapa passada, em Campo Grande.

imagem_release_518894_600

“Falta ainda um ajuste fino para a corrida porém. Largar em quarto dá uma outra perspectiva, para novamente brigar pelo pódio. Os carros da frente estão todos na luta pelo campeonato, então isso pode ser um fator positivo para a gente. Pra mim interessa a vitória, muito mais que os pontos”, avaliou o vice-campeão da temporada passada.

O dono do carro #51 comentou ainda que a performance em Curitiba o permite voltar a pensar no top10 da classificação. “Claro que espero melhorar no campeonato porque a posição em que estamos hoje não me agrada. Sempre terminei o campeonato entre os dez, no ano passado disputando o título até o fim. Tenho como meta subir na tabela, mas óbvio que em uma situação de arriscar pela vitória vou arriscar.”

Ele argumenta ainda que a posição de largada na segunda fila possibilita planejar a estratégia pensando nas duas corridas –e que pode inclusive salvar equipamento para terminar forte a prova curta. “O carro novo mostrou equilíbrio interessante, vamos continuar trabalhando e pensar nas duas provas do domingo. O grid está muito apertado e a corrida promete ser muito equilibrada. Se porventura não der na primeira, podemos pensar na prova curta, então largar em quarto nos permite avaliar melhor as possibilidades e eventualmente guardar um fôlego para a prova 2.”

imagem_release_518897

No domingo, a primeira prova da rodada dupla tem largada marcada para 13h10 (já no horário de verão), com transmissão dos canais Sportv.

Esta é a terceira passagem da Stock Car pela capital paranaense em 2015. Foi nesta pista a melhor performance do Chevrolet #51 no ano, com um quarto lugar na corrida longa e abandono com pneu furado em terceiro a cinco voltas do fim da prova curta. Átila tem duas vitórias em Curitiba, em 2012 e 2013 –ambas largando da pole.

Curitiba 3 – Grid de largada (top10):

Marcos Gomes 1min18s356
Cacá Bueno 1min18s548
Allam Khodair 1min18s690
Átila Abreu 1min18s703
Lucas Foresti 1min18s811
Rubens Barrichello 1min18s809
Ricardo Mauricio 1min18s842
Thiago Camilo 1min18s973
Valdeno Brito 1min18s986
Vitor Genz 1min19s017

Texto: Luis Ferrari – (11) 98666-8307
Imagens: Carsten Horst e Rafael Gagliano


670 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.