http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Rogério Castro realiza “sonho antigo” de correr na Fórmula Truck

Goiano de 31 anos é confirmado como companheiro de Alberto Cattucci na equipe ABF/Volvo para temporada de 2013

A Fórmula Truck teve confirmada nesta sexta-feira (22) a sexta estreia de um piloto na temporada de 2013. Aos 31 anos, o goiano Rogério Castro é o novo piloto da ABF/Volvo, confirmado nas 10 etapas do Campeonato Brasileiro que terá abertura no dia 10 de março – a corrida inaugural, no Autódromo Internacional de Tarumã, em Viamão (RS), também vai contar pontos pelo Sul-Americano da categoria, composto por quatro provas.

O envolvimento de Castro com as competições teve início em 1999, nos campeonatos de kart. Em 2003 e 2004, atuou na Stock Car V8 Light. Também passou pela Pick-up Racing, em 2007 e 2008, e até o ano passado dedicou-se à hoje extinta Copa Fiat. “Correr na Fórmula Truck é um sonho antigo. Só não entrei no campeonato há uns três anos por questão de alguns detalhes. Agora deu tudo certo, é um grande momento”, define o piloto.

Rogério Castro tem 31 anos e será o terceiro representante de Goiânia no grid

Rogério Castro tem 31 anos e será o terceiro representante de Goiânia no grid


O piloto goiano enumera seus objetivos para o ano de estreia. “O meu plano é aprender rapidamente a tocada do caminhão, que é diferente de tudo que eu já guiei, aprender os segredos para ajudar a equipe a desenvolver o Volvo”, diz. “A meta é conseguir uns dois pódios já nesse primeiro ano. Depois uma vitória, no futuro um título. Eu sonho por partes. A corrida na Argentina vai realizar outro sonho meu, de correr fora do Brasil”, revela.

Rogério Castro fez seu primeiro teste com um Fórmula Truck na última terça-feira (19), no circuito paulista de Interlagos. Já havia completado cerca de 10 voltas quando, ao passar sobre uma poça de óleo causada pelo estouro da turbina de outro caminhão, perdeu o controle do Volvo, saiu da pista ao fim da reta dos boxes e bateu na proteção de pneus. Os testes em Interlagos tiveram participação de 11 pilotos, com quatro marcas de caminhões.

Texto: Grelak Comunicação
Fotos: Orlei Silva


1733 dias ago by in Automobilismo , Modalidades , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response