http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Ricardo Maurício é bicampeão da Copa Petrobras

Piloto levou seu Honda Civic ao segundo título consecutivo na categoria; o vice acabou com o Toyota Corolla XRS de Denis Navarro, seguido por Vitor Meira, de Ford Focus. Na disputa entre as fábricas a Honda se sagrou campeã pela primeira vez.

Curitiba (PR) – Ricardo Maurício é o bicampeão da Copa Petrobras de Marcas. Na tarde deste domingo, no Autódromo de Curitiba, o piloto do Honda Civic ganhou pela quarta vez na temporada e chegou ao seu segundo título consecutivo no terceiro ano da categoria. O segundo lugar na corrida ficou com Felipe Gama (Honda Civic), seguido por Vicente Orige, também de Honda Civic. Ricardinho chegou a 261 pontos, já computados os dois descartes obrigatórios.
210188_367367_dud_6206
Com o quinto lugar no fechamento da oitava rodada dupla, e da temporada 2013, Denis Navarro (Toyota Corolla XRS) se sagrou vice-campeão com 232 pontos e Vitor Meira, que teve papel importante na ótima recuperação do Ford Focus, foi o terceiro na classificação geral (214). Com isso, foram três fábricas diferentes nas três primeiras colocações da terceira temporada da Copa Petrobras de Marcas: respectivamente, Honda, Toyota e Ford.

Uma demonstração do equilíbrio da categoria é que na disputa entre os fabricantes, até agora, três marcas diferentes já se sagraram campeãs nos três anos de existência da Copa Petrobras de Marcas. Em 2011 foi a Chevrolet; ano passado o título ficou com a Toyota e desta vez a Honda levou o troféu.
210188_367369_dub_8515
A segunda corrida do domingo teve muitas trocas de posições e logo na primeira volta, Alceu Feldmann – um dos cinco que se mantiveram na disputa matemática do título após o final da prova abertura – deu adeus às chances ao abandonar depois de acidente. Ricardo Zonta assumiu a ponta, mas um problema no assoalho do seu Toyota Corolla XRS o levou a perder várias posições. Ricardo Maurício, que largou em quinto lugar, assumiu a ponta na 11ª volta, ao ultrapassar Navarro e Zonta e, mesmo pressionado por Felipe Gama, a manteve até o final da corrida.
210188_367365_dud_6443
“Foi um ano difícil, mais difícil que 2012, pois todas as equipes já conheciam os carros, o pneu não mudou, enfim, tivemos poucas alterações em relação à temporada passada. Foi um trabalho em conjunto que acabou fazendo com que o campeonato ficasse mais forte. Gostaria também de parabenizar o Juliano Moro, meu engenheiro e chefe de equipe. Esse é o primeiro título dele como chefe de equipe e estava quase chorando no pódio”, disse Ricardinho numa referência ao ex-piloto Moro.

Resultado da segunda prova da oitava e última rodada dupla da Copa Petrobras de Marcas, em Curitiba:

1) Ricardo Maurício (Honda Civic), 22 voltas em 32min34s924, média de 151,49 km/h
2) Felipe Gama (Honda Civic), a 0s641
3) Vicente Orige (Honda Civic), a 4s220
4) Vitor Meira (Ford Focus), a 6s733
5) Denis Navarro (Toyota Corolla XRS), a 8s260
6) Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS), a 13s928
7) Serafin Jr. (Mitsubishi Lancer GT), a 14s482
8) Wellington Justino (Toyota Corolla XRS), a
9) Cesar Bonilha/Carlos SG (Ford Focus), a 17s228
10) Eduardo Rocha (Mitsubishi Lancer GT), a 26s028
11) Galid Osman (Toyota Corolla XRS), a 29s623
12) André Bragantini (Chevrolet Cruze), a 34s638
13) Jaidson Zini (Ford Focus), a 48s425
14) Gustavo Martins (Mitsubishi Lancer GT), a 57s012
15) Thiago Marques (Chevrolet Cruze), a 1 volta
16) Daniel Kaefer (Chevrolet Cruze), a 3 voltas
17) José Cordova (Ford Focus), a 15 voltas
18) Marcelo Karan (Chevrolet Cruze), a 18 voltas
19) Alceu Feldmann (Honda Civic), a 22 voltas

Melhor volta: Denis Navarro, 1min27s590, média de 151,87 km/h

Resultado da primeira prova da oitava e última rodada dupla da Copa Petrobras de Marcas, em Curitiba:

1) Denis Navarro (Toyota Corolla XRS), 22 voltas em 32min53s344, média de 148,30 km/h
2) Vitor Meira (Ford Focus), a 4s056
3) Alceu Feldmann (Honda Civic), a 6s091
4) Ricardo Maurício (Honda Civic), a 7s025
5) Vicente Orige (Honda Civic), a 9s078
6) Ricardo Zonta (Toyota Corolla XRS), a 10s498
7) Wellington Justino (Toyota Corolla XRS), a 11s462
8) Serafin Jr. (Mitsubishi Lancer GT), a 17s565
9) André Bragantini (Chevrolet Cruze), a 22s851
10) Cesar Bonilha/Carlos SG (Ford Focus), a 29s700
11) Daniel Kaefer (Chevrolet Cruze), a 38s629
12) Galid Osman (Toyota Corolla XRS), a 1 volta
13) Thiago Marques (Chevrolet Cruze), a 1 volta
14) Felipe Gama (Honda Civic), a 3 voltas
15) Eduardo Rocha (Mitsubishi Lancer GT), a 10 voltas
16) Jaidson Zini (Ford Focus), a 19 voltas
17) Gustavo Martins (Mitsubishi Lancer GT), a 19 voltas
18) Marcelo Karan (Chevrolet Cruze), a 20 voltas
19) José Cordova (Ford Focus), excluído por atitude antidesportiva

Melhor volta: Denis Navarro, 1min26s778, média de 153,29 km/h

Campeonato entre as fábricas

1) Honda (CAMPEÃ), 576 pontos
2) Toyota, 503
3) Ford, 345
4) Chevrolet, 271
5) Mitsubishi, 204

Os dez primeiros no campeonato de pilotos, já computados os dois descartes obrigatórios

1) Ricardo Maurício (CAMPEÃO), 261 pontos
2) Denis Navarro, 232
3) Vitor Meira, 214
4) Ricardo Zonta, 207
5) Felipe Gama, 201
6) Alceu Feldmann, 189
7) Vicente Orige, 171
8) Galid Osman, 165
9) Leandro Romera e Gabriel Casagrande, 72
10) César Bonilha/Carlos SG, 70.

Campeões na história da Copa Petrobras de Marcas

2011 – Thiago Camilo (Chevrolet Cruze)
2012 – Ricardo Maurício (Honda Civic)
2013 – Ricardo Maurício (Honda Civic)

Departamento de Comunicação da Vicar: Milton Alves (Mtb 16583/SP)
Fotos: Duda Bairros / Vicar


1394 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response