http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Rally dos Sertões: Felipe Zanol e Dário Júlio dominam sétima etapa e garantem nova dobradinha à Honda

Prova final da segunda maratona teve Nielsen Bueno, piloto apoiado pela Honda, na terceira colocação

BOM JESUS (PI) – No complemento da segunda maratona, prova na qual os competidores não têm apoio das equipes para manutenção das motos, os pilotos Honda, Felipe Zanol e Dário Júlio, dominaram neste sábado (25) a sétima etapa do Rally dos Sertões. Zanol venceu a prova e aumentou a vantagem na liderança da classificação geral das motos para 36 minutos sobre o companheiro de equipe Dário Júlio, que finalizou a prova em segundo lugar e recuperou a vice-liderança da competição. No trecho de Alto Parnaíba (MA) a Bom Jesus (PI), que teve 368 quilômetros de percurso total, sendo 277 quilômetros cronometrados (especiais), Nielsen Bueno, piloto apoiado pela Honda, completou o trajeto em terceiro, mesma posição que ocupa no acumulado geral.

“Tive um pouco de cautela hoje pois era a parte final da segunda maratona. Consegui imprimir um bom ritmo e vencer a etapa. Temos mais três corridas complicadas pela frente. É preciso pensar dia após dia”, comenta Zanol, que busca o título inédito no Rally dos Sertões. Segundo a organização, Jean Azevedo sofreu um acidente e abandonou a prova. O piloto passa bem.

Felipe Zanol

Neste sábado (25), os pilotos passaram por trechos de alta velocidade, em meio as fazendas e zonas agrícolas. Ao longo do dia, a especial teve como cenário os vales e ficou travada. “Foi uma especial tranquila, com cascalho e piçarra. Consegui um bom resultado e voltei para o segundo lugar. Já entramos na reta final da competição e agora é dar o último gás”, afirma Dário Júlio.

Já na manhã deste domingo (26), os pilotos têm mais um longo e duro desafio. Com o nome de “Especial de 20 anos”, em razão da data comemorativa do Rally dos Sertões neste ano, a oitava e antepenúltima etapa parte de Bom Jesus (PI) rumo a Petrolina (PE) com trajeto total de 627 quilômetros, sendo 335 quilômetros cronometrados (especiais). Completa, a especial começará travada e passará por trechos de trial. Ao final, os competidores terão que superar 110 quilômetros de areia. “Temos mais três provas difíceis. Porém, por ser a especial de 20 anos do Sertões e o que muitos têm falado, a oitava etapa vai ser dura e promete. Teremos uma grande dificuldade com o calor, mas é bom estar preparado para tudo. Este dia pode decidir o rali”, alerta Felipe Zanol.

Faltam 1.644 quilômetros de percurso total, sendo 581 quilômetros cronometrados (especiais), para os pilotos completarem o Rally dos Sertões 2012. A chegada acontece na próxima terça-feira (28) em Fortaleza (CE), a partir das 14h30, no Centro de Eventos Ceará.

Resultado – sétima etapa (extraoficial)

1- #1 Felipe Zanol 4h01min49s
2- #3 Dário Júlio 4h09min13s
3- #35 Nielsen Bueno 4h18min58s
4- #8 Guto Klaumann 4h26min07s
5- #5 Ricardo Martins 4h27min50s

Resultado acumulado após sete etapas (extraoficial)

1- #1 Felipe Zanol 24h33min20s
2- #3 Dário Júlio 25h09min31s
3- #35 Nielsen Bueno 26h03min56s
4- #8 Guto Klaumann 27h21min43s
5- #9 Dimas Mattos 27h30min40s

Oitava etapa
Domingo (26/08)
Bom Jesus (PI) – Petrolina (PE) – Especial dos 20 anos
Deslocamento Inicial: 3 km
Trecho de Especial: 335 km
Deslocamento Final: 289 km
Total: 627 km

Texto: Assessoria de Imprensa Honda
Fotos: Dfotos/VIPCOMM


1858 dias ago by in Motociclismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response