http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Porsche Cup: Lunardi e Marcel no alto do pódio em Interlagos

Líder do campeonato vence a prova 5 e Marcel chega à segunda vitória na Cup na prova 6. Nas duas corridas, resultados inesperados e muitos acidentes.

Clemente Lunardi e Marcel Visconde foram os grandes nomes das provas 5 e 6 da Porsche Cup, realizadas neste sábado (26 de maio) em Interlagos. O líder da temporada conquistou sua quarta vitória do ano na primeira corrida do dia, enquanto Marcel, o piloto com maior número de largadas na Porsche Cup (e único a ter participado de todas as provas desde o surgimento da categoria, em 2005), venceu sua segunda corrida na carreira após resistir à pressão de Roberto Posses, campeão de 2005.

A primeira corrida do dia repetiu o duelo entre Lunardi e Ricardo Baptista, que dividiram a primeira fila. Os dois andaram muito próximos durante toda a prova, com Lunardi recebendo a bandeirada apenas 6 décimos de segundo à frente do adversário. Marcel Visconde fez uma excelente largada, pulando de nono para terceiro e chegando a se aproximar dos líderes. No final, manteve um ritmo seguro para garantir sua posição.

Atrás deles, a corrida ficou completamente indefinida até as voltas finais. O quarto lugar foi ocupado por Otávio Mesquita e, depois, por Pedro Queirolo. Mesquita se atrasou, Queirolo abandonou após uma colisão e Sérgio Ribas parecia ter a posição garantida quando abandonou com um pneu furado. Quem recebeu a bandeirada em quarto foi Eduardo de Souza Ramos, após uma bela disputa com Zeca Feffer, quinto. Mesquita ainda se recuperou e ficou em sexto.

Com a regra de inversão dos oito primeiros colocados para o grid da prova seguinte, Roberto Posses e Guilherme Figueirôa ocuparam a primeira fila no grid da prova 6. Mas, outra vez, Marcel Visconde fez uma largada fulminante, saindo do sexto lugar para o primeiro no S do Senna. Marcel e Posses disputaram o primeiro lugar, com Posses assumindo a liderança na segunda volta na Descida do Lago. Três voltas mais tarde, Posses cometeu um erro na saída da chicane do Café e Marcel retomou a ponta, onde ficou até receber a bandeirada. Enquanto isso, Ricardo Baptista se recuperava e partia para cima de Posses, que só perdeu a posição após cometer um pequeno erro. Mais atrás, outra atração era a disputa entre Mesquita e Queirolo pelo quarto lugar, com vantagem final para o apresentador de TV. Lunardi foi o sexto, em grande recuperação após rodar ao receber um toque involuntário de Baptista na Descida do Lago, ainda na primeira volta.

Lunardi correu gripado e afirma que se cansou muito, especialmente na primeira corrida: “Se o Ricardo tivesse chegado mais e eu tivesse tido um embate com ele, não sei se teria físico para agüentar”, afirmou. Para Marcel, a vitória foi mais um bom resultado conquistado na largada. “Fui muito feliz nesta largada. Daqui a pouco vão até falar que a queimei, que tenho controle de tração… Mas o fato é que saí para o lado certo. O pessoal se enganchou no lado esquerdo e fiquei com a reta a meu dispor. Quando fui fazer a tangência, eu já estava na frente. Nas últimas três voltas me lembrei daquela corrida que perdi na última volta para o Miguel Paludo aqui em Interlagos. Pensei: ‘Desta vez não pode acontecer isso. De novo não’. Ganhar em casa é especial, é onde nasci. O Beto estava rápido, me ultrapassou na reta oposta, mas depois o acompanhei bem. O ritmo estava bem igual. Era uma questão de tirar proveito de um erro dele, e ele errou na chicane e fui embora.”

Resultado final da prova 5
1) 7-Clemente Lunardi, 15 voltas em 28:15.325, média de 137,411 km/h
2) 27-Ricardo Baptista, a 0,622
3) 55-Marcel Visconde, a 4,581
4) 3-Eduardo de Souza Ramos, a 19.640
5) 18-Zeca Feffer, a 22.722
6) 51-Otávio Mesquita, a 24.139
7) 09-Guilherme Figueirôa, a 24.359
8 ) 52-Roberto Posses, a 28.611
9) 36-Charles Reed, a 29.027
10) 11-Omilton Visconde, a 35.415
11) 89-Daniel Paludo, a 35.931
12) 64-Henry Visconde, a 1:04.103
13) 40-Maurizio Billi, a 1 volta
14) 63-Sérgio Ribas, a 4 voltas
15) 10-Adalberto Baptista, a 8 voltas
16) 16-Ésio Vichiese, a 9 voltas
17) 13-Pedro Queirolo, a 9 voltas
18) 97-Marcos Barros, a 12 voltas
19) 81-Fábio Viscardi, a 14 voltas
20) 99-Tom Valle, a 14 voltas

Resultado final da prova 6
1) 55-Marcel Visconde, 16 voltas, 28:03.045, 147,641 km/h
2) 27-Ricardo Baptista, a 1.678
3) 52-Roberto Posses, a 12.093
4) 51-Otávio Mesquita, a 19.674
5) 13-Pedro Queirolo, a 19.695
6) 7-Clemente Lunardi, a 20.384
7) 09-Guilherme Figueirôa, a 20.973
8 ) 99-Tom Valle, a 22.350
9) 81-Fábio Viscardi, a 25.346
10) 18-Zeca Feffer, a 31.128
11) 40-Maurizio Billi, a 33.286
12) 63-Sérgio Ribas, a 35.079
13) 11-Omilton Visconde, a 1:07.865
14) 89-Daniel Paludo, a 1:10;183
15) 36-Charles Reed, a 1:55.377
12) 64-Henry Visconde
17) 3-Eduardo de Souza Ramos
18) 97-Marcos Barros
19) 10-Adalberto Baptista
20) 16-Ésio Vichiese, não largou

Todos com Porsche 911 GT3 Cup equipados com pneus Yokohama.

O sempre irreverente Otávio Mesquita.

Classificação do campeonato após 6 provas
1) Clemente Lunardi, 114; 2) Ricardo Baptista, 108; 3) Marcel Visconde, 79; 4) Roberto Posses, 71; 5) Fábio Viscardi, 69; 6) Otávio Mesquita, 55,5; 7) Tom Valle, 49; 8 ) Guilherme Figueirôa, 45; 9) Zeca Feffer, 39; 10) Daniel Paludo, 38; 11) Maurizio Billi, 33; 12) Adalberto Baptista, 30; 13) Omilton Visconde Jr, 29; 14) Eduardo de Souza Ramos, 28; 15) Marcelo Franco, 15; 16) Esio Vichiese, 15; 17) Sérgio Ribas, 14; 18) Pedro Queirolo, 12; 19) Henry Visconde, 11; 20) Charles Reed, 9; 21) Marcos Barros, sem pontos.

Texto: Porsche GT3 Cup
Imagens: Automobilismo em Foco (Fernando Conto Ferreira)


1972 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response