http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Pilotos esperam equilíbrio extremo na primeira etapa da Fórmula Truck

Valendo pelos campeonatos Brasileiro e Sul-Americano, GP Petrobras abre treinos nesta sexta-feira no Velopark

Exatos 82 dias depois da vitória que deu a Felipe Giaffone os títulos dos campeonatos Brasileiro e Sul-Americano, na etapa final em Brasília, a Fórmula Truck terá seus pilotos na pista nesta sexta-feira (2), dia dos primeiros treinos livres para a etapa de abertura da 17ª temporada da categoria. O GP Petrobras será disputado na tarde de domingo (4) no Autódromo Internacional Velopark, na cidade gaúcha de Nova Santa Rita.

Os quase três meses desde a última corrida de 2011 não significaram folga para as equipes da categoria. Pelo contrário, o ritmo de trabalho nas oficinas e nos autódromos que acolheram treinos para desenvolvimento foi intenso. Dos 23 pilotos que iniciam as atividades no Velopark, 16 estiveram na pista em pelo menos um dia desde que 2012 começou, e alguns dos outros sete não fizeram testes por simples opção de suas equipes.

A expectativa que beira a unanimidade entre os inscritos nesta segunda apresentação da Truck no Velopark é a de que treinos livres e classificatórios e a própria corrida, que terá largada às 13h05 de domingo com transmissão ao vivo em HD pela Band, sejam marcados pelo equilíbrio entre representantes de diferentes equipes e marcas, mesmo diante das diferentes estratégias por elas traçadas para o trabalho da pré-temporada.

VOLKSWAGEN
Equipe campeã de 2011, a RM Competições centrou em dois de seus quatro Volkswagen Constellation as experiências de pista feitas em janeiro no próprio circuito do Velopark. As evoluções foram testadas nos caminhões de Giaffone e de Renato Martins. André Marques, que passa a defender o time, e Adalberto Jardim, da AJ5, também equipe oficial da Volkswagen, participaram dos treinos pilotando esses mesmos caminhões.

O bicampeão Renato Martins e o tricampeão Felipe Giaffone, parceiros na RM Competições-Volkswagen

Giaffone disputou cinco temporadas completas na Truck. Foi o campeão em 2007, 2009 e 2011, ano em que também conquistou o título sul-americano. Em 2010 foi vice, com os mesmos 176 pontos do campeão Roberval Andrade. “Talvez vamos começar o ano com um pouquinho de desvantagem, precisando desenvolver alguns componentes em que houve mudança nos caminhões. E a consistência do Constellation é um trunfo nosso”, ele considera.

MERCEDES-BENZ
A ABF/Mercedes-Benz abre a nova temporada sem ter feito testes. “Não é que a gente não precise treinar. Foi uma questão de opção, nós focamos na desmontagem e revisão dos dois caminhões, que são campeões, muito fortes”, explica o piloto paranaense Wellington Cirino, tetracampeão da Fórmula Truck. Nas duas primeiras corridas de 2012, ele terá como companheiro de equipe o paulista Christian Fittipaldi, que faz sua estreia na categoria.

Wellington Cirino, da ABF/Mercedes-Benz, é o único tetracampeão brasileiro da Fórmula Truck

Fittipaldi participou de testes no Rio de Janeiro com um dos Mercedes-Benz da ABF Racing Team, equipe do paranaense Leandro Totti e do paulista Luiz Lopes. “Vou trabalhar para fazer corridas muito sólidas, prometo devolver o ‘brinquedo’ inteirinho”, brinca o ex-piloto de Fórmula 1, substituto de Geraldo Piquet nas duas primeiras etapas. Único gaúcho no grid, Regis Boessio pilota o Mercedes-Benz “bicudo” da ABF Desenvolvimento Team.

SCANIA
Pela Scania, Roberval Andrade foi o único a fazer testes preparatórios. A Ticket Car Corinthians Motorsport experimentou inovações de equipamento e ajustes nos autódromos de Goiânia, Curitiba, Campo Grande, Velopark e Rio de Janeiro. “Fizemos um trabalho específico pensando no Velopark. Em 2010 eu era muito rápido e estava liderando a corrida, mas o contato com as zebras da pista fizeram o caminhão quebrar”, recorda.

Campeão de 2010, Andrade não venceu em 2011. “Tivemos problemas, que trouxeram maturidade à equipe. Agora vamos começar o ano a todo gás, com empolgação. Vai ser difícil, muito nivelado, mas estamos na briga”, anima-se. Outros três pilotos utilizam caminhões Scania: o paranaense Pedro Muffato, da equipe Muffatão, e os goianos José Maria e Leandro Reis, tio e sobrinho, parceiros na equipe Original Reis Competições.

Roberval Andrade, duas vezes campeão, compete com o Scania da Ticket Car Corinthians Motorsport

IVECO
O autódromo que abre a temporada de 2012 remete a Scuderia Iveco a momentos especiais. Foi no Velopark, em novembro de 2010, que a equipe e a marca conquistaram suas primeiras pole-position e vitória, com Beto Monteiro. O pernambucano integra a equipe desde 2009. “Aqui estou em casa, há 100% de envolvimento da fábrica, o planejamento é muito bacana”, define Monteiro, que identifica mais de 12 pilotos com chances reais de vitória.

Dono de um título, Beto Monteiro é piloto da Scuderia Iveco e tenta se manter invicto no Velopark

A partir deste ano, Monteiro terá como companheiro de equipe o paulista Valmir Benavides, que defendeu a RM-Volks desde 2007. O terceiro Iveco é o de Fred Marinelli, que compete por equipe própria, a Marinelli Competições. O piloto de Campinas, um dos primeiros que apostaram no modelo Stralis, ainda em 2006, fechou sua participação no campeonato do ano passado com pódio na etapa de Brasília, onde foi quinto colocado.

VOLVO
Sem vitórias na Fórmula Truck desde 2008, a Volvo tem evidenciado um processo de ascensão. As equipes que representam a marca têm compensado à custa de um esforço conjunto a falta de um envolvimento direto da fábrica. “O pódio para nós não é sonho, é realidade”, decreta Paulo Salustiano, que neste ano volta a competir pela ABF/Volvo, equipe pela qual estreou na categoria em 2010 – no ano passado, pilotou para a Scuderia Iveco.

Paulo Salustiano volta à ABF/Volvo depois de um ano pilotando para a Iveco admitindo chance de vitória

O companheiro de equipe de Salustiano será o argentino Luiz Pucci, que estreou na F-Truck em 2011. Outras duas equipes terão caminhões Volvo na pista, com pilotos paranaenses. Diumar Bueno continua competindo pela DB Motorsport, sua própria equipe. “O que nós vamos buscar neste ano, todos nós que corremos com Volvo, é um pouquinho mais de rendimento de motor”, diz. O outro representante da marca é João Maistro, da Clay Truck Racing.

FORD
A Ford Racing Trucks/DF Motorsport, equipe comandada pelo ex-piloto Djalma Fogaça, teve bastante trabalho na preparação dos caminhões que os paulistas Danilo Dirani e Pedro Gomes vão conduzir nas dez corridas de 2012. A mudança mais visível está na adoção da cabine da nova linha Cargo. “Não é simplesmente mudar a cabine, isso implica uma série de modificações em toda a concepção do caminhão”, observa Fogaça.

Dirani parte para sua quarta temporada na categoria, terceira pelo time da Ford, conciliando a disputa da Truck com a organização e a própria atuação em competições nacionais de kart. Ele obteve na penúltima prova de 2011, em Curitiba, a primeira vitória com caminhões. Gomes, ex-piloto de categorias de turismo, participou de duas corridas da Fórmula Truck no ano passado e inicia seu primeiro campeonato completo.

Depois da primeira vitória, Danilo Dirani passa a pilotar um novo caminhão da Ford Racing Trucks/DF Motorsport

PROGRAMAÇÃO DO GP PETROBRAS DE FÓRMULA TRUCK
Autódromo Internacional Velopark – Nova Santa Rita (RS)

Sexta-feira, 2 de março
12h30 – primeiro treino livre (60 minutos)
15h30 – segundo treino livre (60 minutos)

Sábado, 3 de março
9h00 – terceiro treino livre (60 minutos)
11h00 – quarto treino livre (60 minutos)
14h00 – treino classificatório (90 minutos)

Domingo, 4 de março
9h00 – warm up (30 minutos)
13h05 – GP Petrobras de Fórmula Truck (60 minutos)
14h15 – pódio

Texto: Grelak Comunicação – (45) 3037-6667
Imagens: Orlei Silva


2034 dias ago by in Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response