http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

No Velopark, Valdeno Brito e Shell Racing buscam nova vitória na Stock Car

Piloto paraibano venceu etapa passada, disputada em Curitiba, e é o vice-líder do campeonato, com 34 pontos, apenas um atrás do líder

Depois de conquistar a vitória na etapa de Curitiba, o piloto Valdeno Brito, da equipe Shell Racing, busca consolidar sua posição de candidato ao título da Stock Car na terceira prova da temporada 2012, que será realizada neste domingo, no circuito do Velopark, em Nova Santa Rita (RS).

Largando da segunda colocação na corrida disputada no Paraná, Valdeno assumiu a ponta antes mesmo da primeira curva e liderou a prova até o final, conquistando sua quarta vitória na categoria. O resultado colocou o piloto da Shell Racing na vice-liderança do campeonato, com 34 pontos, apenas um atrás do líder, Ricardo Maurício.

“O primeiro lugar em Curitiba veio em ótimo momento para nós, mostrando que o projeto da Shell Racing na Stock Car começou vitorioso. É claro que estamos confiante em novamente lutar pelo pódio nesta corrida, mas também sabemos que o campeonato deste ano está sendo bem diferente, por conta da pontuação. Não adianta ganhar uma corrida e não pontuar na seguinte, por isso vamos focar em ter um carro competitivo e marcar o maior número de pontos possível”, diz Valdeno, citando o novo regulamento deste ano, que distribui de maneira mais uniforme os pontos entre os 20 primeiros colocados de cada prova.

Além de vir embalado pela vitória na etapa passada da Stock Car, o paraibano também está confiante no bom retrospecto que ele e sua equipe apresentam no Velopark.

“Fiz a pole na edição de 2010 e a equipe do Andreas (Mattheis) sempre andou bem nesta pista com os quatro carros administrados pelo time. É uma etapa em que o acerto do carro é bastante complexo, sobretudo na área de suspensão”, explica Valdeno.

Outra característica interessante da pista gaúcha é sua extensão. Com apenas 2,3 km, é a menor da temporada, o que faz a competitividade dos tempos ficar ainda mais acirrada, como explica o piloto.

“Como é a menor pista do ano, os tempos ficam ainda mais próximos. Por isso, mesmo vindo embalado pela vitória em Curitiba, eu e a equipe estamos com os pés no chão, sabendo que a competitividade da Stock Car será ainda maior no Velopark. Apesar do tamanho, a pista é bem técnica, com muitas curvas onde o piloto e a equipe podem achar alguns diferenciais importantes neste final de semana”, diz Valdeno.

Esta temporada consagra a entrada da marca Shell no campeonato da Stock Car, e todos os carros da prova correm com o combustível aditivado Shell V-Power Etanol, fornecido pela Raízen.

Os treinos da terceira etapa da Stock Car serão disputados a partir desta sexta-feira. A corrida será no domingo, às 9h30, com transmissão ao vivo da TV Globo.

Classificação da Stock Car 2012

Os 10 primeiros (após 2 de 12 etapas):

1.º) Ricardo Maurício – 35 pontos
2.º) Valdeno Brito – 34 pontos
3.º) Átila Abreu – 34 pontos
4.º) Daniel Serra – 30 pontos
5.º) Marcos Gomes – 26 pontos
6.º) Nonô Figueiredo – 25 pontos
7.º) Julio Campos – 25 pontos
8.º) Cacá Bueno – 22 pontos
9.º) Luciano Burti – 21 pontos
10.º) Thiago Camilo – 20 pontos

Confira a programação para a etapa do Velopark:

Sexta, 4 de maio
09h50 às 10h30 – 1º treino livre (máx. 26 voltas) / Grupo 1 – STOCK CAR
10h40 às 11h20 – 1º treino livre (máx. 26 voltas) / Grupo 2 – STOCK CAR
13h20 às 14h – 2º treino livre (máx. 26 voltas) – Grupo 1 – STOCK CAR
14h10 às 14h50 – 2º treino livre (máx. 26 voltas) – Grupo 2 – STOCK CAR

Sábado, 5 de maio
08h20 às 09h – 3º treino livre (máx. 26 voltas) – Grupo 1 – STOCK CAR
09h10 às 09h50 – 3º treino livre (máx. 26 voltas) – Grupo 2 – STOCK CAR
12h10 às 13h – Treino de classificação da 3ª etapa da STOCK CAR

Domingo, 6 de maio
9h30 – Largada da 3ª etapa da STOCK CAR (40 min + 1 volta)

Sobre a Raízen

A Raízen é a empresa resultante do processo de integração dos negócios da Shell e Cosan. A empresa está entre as cinco maiores companhias do Brasil em faturamento. Com 24 usinas, a Raízen tem capacidade de produção de 2,2 bilhões de litros de etanol por ano, 4,4 milhões de toneladas de açúcar e têm 900 MW de energia elétrica a partir do bagaço da cana. A Raízen possui 53 terminais de distribuição e comercializará aproximadamente 22 bilhões de litros para os segmentos de transporte e indústria e para a sua rede formada por 4.700 postos de serviço com as marcas Shell e Esso. Por meio da marca Shell, a empresa está presente nas principais categorias do automobilismo mundial, incluindo a Fórmula 1. No Brasil, a Raízen anunciou a entrada da Shell na Stock Car e o fornecimento de etanol para todos as equipes da prova.

Texto: www.rf1jornalismo.com.br
Imagens: Automobilismo em Foco (Fernando Peres Nunes)


1998 dias ago by in Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response