http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Nelsinho Piquet vence pela primeira vez na Nascar

Brasileiro larga na pole e ganha corrida da K&N Pro Series East em Bristol

Nelsinho Piquet ganhou a primeira corrida de sua carreira na Nascar. O brasileiro largou da pole e permaneceu entre os cinco primeiros durante todas as 125 voltas da prova de abertura da temporada da K&N Pro Series East em Bristol.
Sem considerar competições que disputou em parceria com outros pilotos, foi a primeira vitória de Nelsinho desde 26 de agosto de 2006, pela GP2 na Turquia.
“Foi excelente: mais rápido no treino, primeira pole na Nascar, primeira vitória. Hoje foi um dia muito importante para mim. É minha primeira vitória nos Estados Unidos, a primeira com um carro fechado então claro que é uma emoção diferente. Levar a bandeira do Brasil para o victory lane é parte de um sonho conquistado e motiva muito para o resto do ano”, afirmou ele.
Dito assim até parece que foi fácil.

Mas o piloto da Nascar Truck Series teve que superar diversas dificuldades para triunfar na última categoria de acesso às divisões nacionais da Nascar.
“O começo foi um pouco mais tranquilo, porque logo achei uma linha em que era mais rápido que os outros. Mas com o passar da prova o carro foi ficando mais traseiro e não deu para segurar a ponta. No meio da corrida fizemos alguns ajustes na parada obrigatória de 10 minutos e trocamos pneus antes de voltar para a corrida.”
Naquela altura da prova, Nelsinho estava em quarto lugar, acompanhando de perto uma dura disputa pela liderança entre dois concorrentes que acabaram se tocando.
“Então subi para segundo lugar e senti que dava para ultrapassar o carro 7. Ele percebeu que eu ia atacar e deixou um espaço muito pequeno para minha trajetória por fora. Foi uma manobra bem arriscada, mas consegui a posição faltando 25 voltas para o final.”
Piquet Jr. então abriu vantagem do resto do pelotão. Mas a quarto voltas do final um acidente lançou óleo na pista e foi necessário interromper a prova com bandeira vermelha.
“Nessa hora fiquei muito preocupado. O piso estava sujo justamente na linha mais alta, que era a minha favorita para o traçado e aonde os outros não estavam indo. Sabia que para segurar a dianteira na relargada e ganhar a corrida eu precisaria passar mais duas voltas exatamente naquele trecho porque era lá que eu conseguia fazer a diferença sobre os outros. Tentei manter a concentração e não pensar demais nisso enquanto esperávamos a liberação da pista. Na minha cabeça, era fingir que não estava acontecendo aquele problema. Deu certo! Passei em cima daquele ponto do óleo e o carro segurou bem. Daí foi receber a bandeirada”, relatou Nelsinho.
Empolgado com o resultado, ele revelou que pretende correr novamente em Bristol pelo X Team Racing, equipe brasileira pela qual obteve a vitória. “O acordo com o time me garante outra corrida em caso de vitória e vou querer fazer aqui em Bristol novamente. Hoje superamos adversários que têm apoio dos times da Cup e com uma estrutura mais simples ganhamos deles. Estão todos de parabéns pelo empenho. E sei que a bandeira do Brasil no victory lane não representava só o piloto, mas também o time. E foi só a primeira vez dessas cores no lugar de honra da Nascar tenho certeza.”
“Foi um final de semana muito produtivo. Tivemos dificuldades no início dos trabalhos, mas na corrida as coisas foram melhorando. A vitória de hoje foi fantástica. Foi a primeira vitória de um brasileiro por um time brasileiro na K&N Series e estamos muito contentes com isso. Parabéns ao Nelsinho e a toda a equipe. Claro que gostaríamos que nossos três carros terminassem na frente, mas estamos felizes com nosso desempenho aqui”, declarou Geraldo Rodrigues, um dos sócios do X Team.

Antes de sua próxima corrida pela Nascar Truck Series, no dia 31 em Martsinville, Piquet Jr tem outro compromisso em pista curta. No próximo final de semana ele corre pela Late Models (outra categoria de desenvolvimento da Nascar) em Kingsport.
“O plano do mês é andar bastante em pista curta para chegar mais forte nas próximas duas etapas da Truck Series, que são em circuito travado. Sinto que estou no caminho e essa vitória de hoje mostrou isso”, concluiu o piloto.

Sobre a X Team Racing

Estabelecido no ano passado pelo empresário brasileiro Geraldo Rodrigues, pelo mexicano Miguel Abaroa e pelo ex-piloto da Nascar Robert Huffman com o objetivo de ser a porta de entrada para pilotos latino-americanos na Nascar, a X Team Racing disputa a K&N Pro Series East, uma das divisões de desenvolvimento da categoria mais popular do automobilismo nos EUA.

Os pilotos regulares da escuderia são o brasileiro Carlos Iaconelli e o mexicano Daniel Suarez.

Em sua temporada inaugural (2011), o time obteve sua primeira vitória, levou seus pilotos às posições 4, 5 e 6 no campeonato, cravou três poles e venceu o “rookie of the year”.

Links

www.npiquet.com
twitter.com/nelsonpiquet
www.xteamracing.com

Texto: Luís Ferrari – imprensa@nelsonpiquet.com – 55 11 9919-3484
Imagens: Divulgação Assessoria Nelson Piquet Jr.


2018 dias ago by in Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response