http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Nelsinho Piquet é terceiro no Texas em sua 50ª prova na Nascar Truck Series

“Foi um final de semana quase perfeito”, diz o brasileiro, que largou da pole e foi o piloto com o maior número de voltas na liderança

Nelsinho Piquet resumiu sua 50ª prova na Nascar Truck Series como “um final de semana quase perfeito”.

Após dominar os dois treinos livres, cravar a pole-position e liderar o maior número de voltas na Win Star World Casino 350 (65), o brasileiro terminou a 20ª etapa da temporada em terceiro lugar.

“Foi uma corrida bem difícil aqui no Texas. Durante a prova trabalhamos muito no acerto e sempre brigando com os mais rápidos da pista. Foi uma pena não ter o melhor truck no final”, declarou Piquet Jr.

Desde as duas sessões de treinos livres da quinta-feira, o dono do Chevrolet Silverado #30 já havia mostrado que tinha um ótimo rendimento com pneus novos. Isso foi traduzido na pole position e no domínio que Nelsinho exerceu no começo da corrida. Mas as 74 voltas consecutivas sem bandeira amarela na segunda metade da prova acabaram dificultando os planos do brasileiro.

Ele sustentou a ponta na largada e neutralizou um ataque de Kyle Busch na segunda volta. Então só fez abrir vantagem para o resto do pelotão. A margem sobre o companheiro James Buescher oscilava 2s quando surgiu a primeira bandeira amarela da noite.

A equipe fez um belo trabalho, devolvendo o brasileiro para a pista na liderança com quatro pneus novos para a relargada da volta 36. Pouco depois da bandeira verde, Nelsinho ficou por fora numa disputa de quatro trucks lado a lado na reta oposta. Buescher se aproveitou da situação e assumiu a liderança mergulhando por dentro.

Os dois companheiros da equipe Turner eram os mais velozes naquele momento da prova, mas o brasileiro teve apenas uma chance real de recuperar a primeira posição até a segunda rodada de pits, na volta 66.

Os líderes aproveitaram a segunda bandeira amarela da noite e entraram nos boxes. Mais uma vez a equipe do truck #30 fez um bom trabalho, devolvendo Piquet Jr para a pista na vice-liderança e na frente do companheiro, que realinhou em terceiro.

Na relargada da volta 70, o brasileiro superou Cale Gale com tranquilidade. Ele conseguiu livrar 2s de vantagem para o truck #13 (Johnny Sauter) até a volta 82. A partir daí, a diferença para o vice-líder começou a cair.

Entre as voltas 90 e 99, o brasileiro lutou contra o equipamento para defender a primeira posição. Mas sua picape perdia a traseira na saída das curvas e ficou impossível impedir o avanço de Sauter.

Na volta 110, Nelsinho entrou nos pits sob bandeira verde para sua terceira troca de pneus da noite. Parker Kligerman também fez sua parada nesta volta e ganhou a posição do brasileiro nos pits, ao arriscar trocando só dois pneus.

Como a prova permaneceu sob bandeira verde até o final, quando todos fizeram suas passagens pelos pits, no giro 121, os três primeiros eram Kligerman (com dois pneus mais desgastados), Sauter e Piquet Jr. O dono da picape #13 recuperou a liderança, mas com os trucks bem espaçados pela pista, faltou tempo para Nelsinho disputar o segundo posto.

“O terceiro lugar não foi ruim aqui. Vamos com tudo agora nas duas corridas finais, para conseguir uma (ou duas) vitórias mais em 2012″, finalizou o brasileiro.

Melhor representante da Chevrolet na corrida, Nelsinho garantiu para a empresa o título de fabricantes da Nascar Truck Series com seu terceiro lugar no Texas. O carro #30 acumulou ainda 2 dos 6 prêmios oficiais da prova: melhor motor e pole position.

Esta é a melhor fase do brasileiro nas 50 corridas realizadas na Truck Series. Nas últimas quatro provas, ele acumula uma vitória, um segundo e um terceiro lugar, além de uma pole-position.

Penúltima corrida do ano, a próxima etapa do campeonato acontece na próxima sexta-feira em Phoenix.

PIQUET JR NA TRUCK SERIES
Provas: 50
Vitórias: 2
Poles: 3
Top-5: 14
Top-10: 26
Prêmios: US$ 787.048

Resultado da 20ª etapa
1. Johnny Sauter
2. Parker Kligerman
3. Nelson Piquet Jr
4. Kyle Busch
5. Ty Dillon
6. Matt Crafton
7. Joey Coulter
8. Todd Bodine
9. Aric Almirola
10. Timothy Peters

Classificação no campeonato
1. J. Buescher 750
2. T. Dillon 735
3. T. Peters 725
4. P. Kligerman 723
5. J. Coulter 707
6. M. Crafton 703
7. N. Piquet Jr. 669
8. J. Lofton 640
9. J. Sauter 620
10. M. Paludo 599

Texto: Luís Ferrari – imprensa@nelsonpiquet.com – (11) 98666-8307
Imagens: Divulgação / Turner Motor Sport


1788 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response