http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Spyder Race: Na quente Santa Cruz do Sul, Mascarello e Peter Jr. vencem na abertura da temporada

A cidade gaúcha de Santa Cruz do Sul recebeu a abertura da temporada 2012 do Campeonato Brasileiro de Spyder Race esse final de semana e assistiu a vitória de Raijan Mascarello e Peter Jr.

O mato-grossense Raijan Mascarello (Guerra Motorsport) venceu em Santa Cruz do Sul (RS) a etapa de abertura do Campeonato Brasileiro de Spyder Race. Com temperatura na casa dos 35°C, Mascarello perdeu a liderança apenas na primeira volta quando Fúlvio Marote (RJ Racing) superou o pole position, mas perdeu a ponta ao se tocarem, caindo para o 10º lugar.

A partir daí, Raijan não foi superado em momento algum pelo segundo colocado Fernando Fortes (SP Mec); Ronaldo Kastropil (Autogiro) pulou para a terceira colocação após largar em sétimo.

Peter Jr. que largou na pole position na categoria Spyder Race Light manteve a ponta na largada, seguido pelo estreante Carlos Eduardo (Cesinha Competições), Jeferson Leandrini (Benfica Competições) e Luciano Borghesi (Cesinha Competições). Na 4ª volta com problemas no câmbio, Carlos Eduardo abandona. Uma volta depois o jovem piloto de apenas 17 anos toca-se com Fúlvio Marote indo parar na área de escape; Peter Jr., mesmo com o carro desalinhado consegue retornar à pista na liderança, mas vê Borghesi aproximar-se cada vez mais enquanto Marote era advertido pelos comissários desportivos com bandeira preta e branca.

O carioca Valter Pinheiro (Guerra Motorsport), campeão em 2011 na categoria Spyder Race Light fez em Santa Cruz do Sul sua primeira prova na categoria principal pelo certame nacional, e largando em 5º lugar mantinha-se uma posição acima até a 16ª volta, quando abandonou por problemas mecânicos. Correndo pela RSports, Celso Freitas classificou em 4º lugar, e depois de fazer parte do grupo de pilotos que rodaram devido à sujeira, terminou na 6ª colocação na categoria Race.

Na 10ª volta o paranaense Luciano Borghesi assumiria a liderança na categoria Spyder Race Light, tendo Peter Jr. na segunda colocação e Jefferson Leandrini em terceiro. Na 14ª volta aconteceu a entrada programada do Safety Car para reagrupamento dos carros; Raijan Mascarello, Fernando Fortes e Ronaldo Kastropil eram os três primeiros colocados na categoria Spyder Race, enquanto Borghesi, Peter Jr. e Leandrini eram os da Light.

Mostrando ser o seu dia, na 16ª volta Peter Jr. consegue reassumir a liderança em uma rodada de Borghesi. Inclusive rodadas foram constantes durante a prova, porém todas sem maiores consequências a não ser a perda de posição dos pilotos e a sujeita trazida para a pista ao retorno dos carros para o asfalto.

Em uma excelente prova de recuperação, Marote depois de perder posições e chegar a ocupar o 9º lugar, na 21ª volta o piloto do protótipo n° 78 já aparecia na 4ª posição, entrando na briga pelo top3 com Ronaldo Kastropil. Na última volta, Fúlvio consegue realizar manobra e ultrapassar Kastropil, subindo para a terceira colocação.

Raijan Mascarello cruzou a linha de chegada depois de 45min40s841 de prova, trazendo Fernando Fortes na segunda colocação, à frente de Fúlvio Marote. A melhor volta da prova também foi do mato-grossense com 1min28s836.

Na categoria Light, Peter Jr. conquista sua primeira vitória no certame nacional, depois de oito provas disputadas; Borghesi e Leandrini completam o pódio. O jovem paulista vez “barba, cabelo e bigode” em Santa Cruz do Sul: venceu, conquistou a pole position no sábado e também fez a melhor volta em sua categoria no domingo, com o tempo de 1min33s320.

Após a prova, Peter Jr. não conseguia manter a emoção pela vitória: “O final de semana não foi fácil, tivemos muitos problemas com o carro, mas a equipe não desistiu em momento algum. Tenho muito a agradecer ao meu chefe de equipe Carlos Doninha, aos meus mecânicos da SP Mec, a Deus, minha família e a todos que sempre me apoiaram”, declarou o piloto.

Vice-campeão em 2011, Raijan Mascarello dominou todos os treinos e mostrou sentir-se a vontade na pista gaúcha: “Gosto muito dessa pista que é muito técnica! A equipe fez um trabalho fantástico e também venho me preparado muito fisicamente, muito importante para aguentar toda a prova no forte calor que tivemos a prova”, comentou Raijan.

Confira o resultado final da etapa de Sta. Cruz do Sul:

1) Raijan Mascarello (Guerra Motorsport) – Race
2) Fernando Fortes (SP Mec) – Race
3) Fúlvio Marote (RJ Racing) – Race
4) Ronaldo Kastropil (Autogiro) – Race
5) Henrique Assunção (RJ Racing) – Race
6) Celso Freitas (RSports) – Race
7) Peter Jr. (SP Mec) – Light
8 ) Luciano Borghesi (Cesinha Competições) – Light
9) Jeferson Leandrini (Benfica Competições) – Light
10) Valter Pinheiro (Guerra Motorsport) – Race
11) Carlos Eduardo (Cesinha Competições) – Light

Melhor volta:
Raijan Mascarello (Guerra Motorsport) – 1min28s836 (Race)
Peter Jr. (SP Mec) – 1min33s320 (Light)

O Campeonato Brasileiro de Spyder Race tem patrocínio de Scorro, Benfica, FullPower Energy Drink, RedCoil, Minipa, SuaInternet.com e Pirelli.

Texto: Vitor Garcia – VG3 – Assessoria de Imprensa – (11) 7805-1777 – (11) 6841-7613 – (11) 8639-1937
Imagens: Elton Lourenço


2050 dias ago by in Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response