http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Moto 1000 GP tem quebra de recorde no primeiro dia de treinos

Diego Pierluigi estabeleceu novo recorde em treinos livres na pista de Santa Cruz do Sul

Começou com quebra de recorde de pista em treinos livres o primeiro dia de atividades do Moto 1000 GP no Autódromo Osvaldinho de Oliveira, em Santa Cruz do Sul (RS). Diego Pierluigi, da JC Racing Team, só precisou de cinco voltas na segunda sessão para cravar 1min23s868, com média horária de 151.524 Km/h. Ele superou o recorde anterior, 1min23s921, média de 150.048 Km/h, obtido por Maico Teixeira, no treino classificatório valendo por outro campeonato, no dia sete de setembro último.

72fa7e8a1e9d59ba3288d977276c2651

Mais rápido nas duas sessões livres, Pierluigi considerou normal a marca ao saber que havia estabelecido novo recorde em treinos na pista gaúcha. “Fiz o suficiente”, resumiu. Ele distribuiu o mérito com a equipe, que conseguiu um ótimo acerto da suspensão, e garante que “há espaço” para virar mais rápido nos treinos do sábado (19). “Acho que o tempo de amanhã será de quatro décimos a meio segundo mais rápido”, finaliza.

Os treinos que valem pela sexta etapa do Campeonato Brasileiro de Motovelocidade tiveram, na GP 1000, a principal do campeonato, o português Miguel Praia, competindo pela Center Moto Racing Team, como segundo mais rápido, 1min24s944. Praia acredita que pode alcançar Pierluigi, apesar de ser muito difícil. “Ele já conhece a pista, e está muito forte”, considerou. O atual campeão e líder do campeonato Luciano Ribodino, da Alex Barros Racing, foi o terceiro mais rápido, marcando 1min25s072.

5c40e8bbf976373698c42193bd60fe4f

Nas outras quatro categorias do Moto 1000 GP, os pilotos mais rápidos foram Pedro Sampaio, equipe Fábio Loko, com 1min40s664, na GPR 250; o líder do campeonato, Rafael Bertagnolli, BSB Motor Racing, com 1min28s670, liderou na GP 600; na categoria GP Light André Paiato, da Alex Barros Racing, fez a melhor volta com 1min27s221, enquanto na GP Máster Sidnei Scigliano, da Motrix Scigliano Racing, andou mais rápido, marcando 1min31s305. Os treinos livres e classificatórios continuam neste sábado (19). As corridas serão todas no domingo.

Todas as motocicletas do Moto 1000 GP utilizam como combustível a gasolina Petrobras Podium e como lubrificante o Lubrax Tecno Moto. Petrobras e Lubrax patrocinam a competição ao lado da BMW Motorrad e da Michelin, que fornece seus pneus de competição a todas as equipes. O Campeonato Brasileiro de Motovelocidade tem o apoio de Beta Ferramentas, BMW Serviços Financeiros, Servitec, LeoVince, Shoei, Tutto Moto, HPN, Denko, Airfence Brasil e Peterlongo.

b00cb64c3cf61397444398d8509adc39

Imagens: Equipe Sanderson/Grelak Comunicação


1518 dias ago by in Motociclismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response