http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Brasileiro de Turismo: Marcio Campos vence as duas em Curitiba

Na primeira corrida da rodada dupla da etapa de Curitiba do Campeonato Brasileiro de Turismo, Marcio Campos viu os adversários abandonarem a prova mais cedo, aproveitou a oportunidade e conquistou sua segunda vitória na temporada.

A prova desta tarde foi bastante movimentada. Logo na largada houve um acidente envolvendo três carros. Gabriel Robe foi o único que se viu obrigado a deixar a pista mais cedo, mas apesar disso não houve interferência do safety car e a disputa prosseguiu.

Logo depois, problemas para o líder do campeonato. A W2 Racing, que dominou os três treinos livres do final de semana, viu seus pilotos descerem pelotão abaixo. Marco Cozzi teve que abandonar após a batida da primeira curva com o diferencial quebrado, enquanto Felipe Guimarães rodou sozinho na liderança ao passar pelo óleo deixado pelo carro de seu companheiro de equipe, caiu para a 18ª colocação e também acabou deixando a disputa. Apesar disso, ele anotou a volta mais rápida da prova.
254339_506421_dub_3017__1_
Assim, Campos, que venceu no Velopark e havia largado da terceira posição em Curitiba, recebeu a liderança da corrida. As equipes de resgate de pista ainda tiveram trabalho depois que Gustavo Lima rodou e parou na caixa de brita. Precisaram então retirar o seu carro do traçado. Após a bandeira verde, o trabalho de Campos foi administrar a vantagem que tinha para Dennis Dirani, o segundo colocado.

“Em Goiânia tomamos uma pancada na segunda corrida, mas tínhamos um ritmo muito bom. Agora parece que a maré virou a nosso favor, felizmente. O trabalho da equipe tem sido excelente. Estamos em uma sintonia muito grande. Aqui em Curitiba não estávamos muito bem porque a W2 tem um acerto bem diferente e aqui eles se dão muito bem”, reconheceu.

“Talvez eles tivessem um carro melhor na corrida, mas eu vinha na balada deles e acho que essa vitória caiu no nosso colo, porque eu vi que eles se tocaram e eu tentei vir no ritmo do Guimarães, mas não daria para passar. Quando o Cozzi quebrou eu vi que saiu muito óleo do carro dele, tomei alguns sustos nas duas primeiras voltas, e acho que o Guimarães não sabia que tinha óleo ali e acabou passando reto, aí a liderança caiu no meu colo. Depois foi questão de gerenciar a distância para o Dennis”, contou o vencedor, que agora soma 63 pontos e assumiu a liderança com o abandono de Cozzi (52).

Dennis Dirani recebeu a bandeirada na segunda colocação e foi ao pódio pela segunda vez na temporada, enquanto seu irmão Danilo completou o pódio do dia. Pela primeira vez, os dois irmãos, que têm larga experiência no kart, dividem o pódio em uma prova de automobilismo. Gustavo Myasava foi o quarto colocado do dia, e Edson Coelho terminou a corrida no quinto posto.

O gaúcho da Motortech Competições, por ter vencido no dia anterior, largou da sexta posição. Porém isso não foi problema para ele, que logo na largada já pulou para o segundo posto, ficando atrás apenas de Edson Coelho, que herdou a liderança após uma manobra otimista do pole position Felipe Donato, que manteve a frente na saída, mas abriu demais na tomada da curva 1 e no contorno acabou fechando a porta em cima de Coelho; com o toque o piloto do carro #9 caiu para o fim do pelotão.
254339_506415_dub_3130
Durante os minutos seguintes, o competidor viu constantemente Campos em seu retrovisor. O vencedor da prova 1 vinha na caça ao ponteiro, mas a diferença mantinha-se estável. Mas foi então que o gaúcho teve a sua chance: Coelho acabou penalizado por conta do toque da largada, e foi obrigado a pagar um drive-through, que acabou jogando-o para a 11ª posição. Sem perder a oportunidade, o representante da Motortech Competições logo assumiu a frente do pelotão, onde ficou até o final.

A dupla da W2 Racing provou que tinha um bom carro e excelente conhecimento do traçado de Curitiba. Marco Cozzi largou apenas em 19º, após abandonar a corrida do sábado, e Felipe Guimarães, pole no sábado, acabou rodando na pista e caiu para o 16º. Em ótima corrida de recuperação de ambos, eles protagonizaram uma das mais eletrizantes batalhas na pista pela segunda posição. No final, Guimarães foi o segundo, com Cozzi completando o pódio e subindo à vice-liderança do campeonato graças ao abandono de Danilo Dirani.

Campos lidera com 83 pontos, contra 66 de Cozzi. A próxima etapa acontece nos dias 27 e 28 de junho em Santa Cruz do Sul (RS).

Dep. de Comunicação Vicar
Fotos: Duda Bairros


781 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.