http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Mais uma patuscada da FGA

A Federação Gaúcha de Automobilismo (FGA) colaborando mais uma vez para que o automobilismo regional vá de mau a pior.

Uma entidade que deveria trabalhar em prol do automobilismo regional e (também) de uma das categorias que mais visibilidade dá ao esporte a motor do estado faz simplesmente ao contrário, trabalha em prol de alguns poucos, mexendo na regra do jogo do meio do campeonato, penalizando aquelas equipes e pilotos que são mais competentes e possuem melhores equipamentos.

Eis a patuscada da vez:

“FEDERAÇÃO GAÚCHA DE AUTOMOBILISMO
CONSELHO TÉCNICO E DESPORTIVO GAÚCHO
CAMPEONATO GAÚCHO DE MARCAS E PILOTOS 2012

REGULAMENTO DESPORTIVO

ADENDO Nº002

LASTRO DE SUCESSO

SERÁ ADICIONADO AOS TRÊS PRIMEIROS COLOCADOS NA SOMA DE TEMPOS EM CADA ETAPA DO CAMPEONATO O LASTRO DE SUCESSO A RAZÃO DE:

50 Kg para o 1º colocado

40 Kg para o 2º colocado

30 Kg para o 3º colocado

ESTE LASTRO PODERÁ SER REMOVIDO DO VEICULO SEMPRE QUE O PILOTO OBTIVER COLOCAÇÃO NO FINAL DA PROVA DO 6º LUGAR EM DIANTE. O PESO MÁXIMO A SER ADICIONADO NOS VEÍCULOS SERÁ DE 50 KGMESMO HAVENDO REINCIDÊNCIA DE RESULTADOS DO PILOTO NA ZONA DE ADIÇÃO DO LASTRO DE SUCESSO.

ESTE ADENDO TEM EFEITO Á PARTIR DO RESULTADO DA 3ª ETAPA SENDO O LASTRO ADICIONADO AOS VENCEDORES DESTA NA 4ª ETAPA E ASSIM SUCESSIVAMENTE..

.

Porto Alegre 23 de Maio de 2012

Mirnei Antonio Piroca Carlos A R De Deus
Presidente CTDG Presidente FGA”

O mais grave desta arbitrariedade é que passa por cima dos principais envolvidos, os pilotos. No início da temporada 29 pilotos se reuniram para votar a respeito da adoção, ou não, do “troféu bigorna”. Destes, a grande maioria, ou seja, 26 pilotos votaram contra e apenas três seriam a favor. Porém, como em um estado democrático a maioria vence, ficou convencionado que o lastro seria abolido da temporada 2012.

Mas a FGA toma uma atitude, que no mínimo leva a interpretações de que está trabalhando apenas para os amigos do rei, empurra goela abaixo o lastro para a categoria Marcas & Pilotos para a próxima etapa, que acontecerá em junho na cidade de Santa Cruz do Sul, pouco se lixando para que a maioria dos demais competidores decidiram no início do campeonato. E para melhorar, aplicam a lei retroativamente.

Esta atitude é, para dizer o mínimo, desrespeitosa com todos que de uma forma ou de outra – e claro, não são amigos do rei – se envolvem com o automobilismo gaúcho. Além do mais, as explicações dadas pelo representante da federação que estava presente na reunião do Marcas & Pilotos realizada ontem, simplesmente não convenceram ninguém.

“O que a FGA não quer é uma prova sem emoção e disputas, como a que foi de Guaporé”, disse o Sr. Urbano da Silva, representando da FGA! Pô, então o Automobilismo em Foco estava em outra prova em Guaporé, totalmente distinta a que a federação estava presente. Tirando os acidentes, que isso é outro caso, a prova teve disputas do início ao fim; no pelotão da frente, intermediário e o pelotão retardatário.

São atitudes grotescas que mancham a história de uma categoria, que está conquistando espaço em grandes mídias, trazendo pilotos de outros estados para andarem no Rio Grande do Sul e trabalhando em prol do esporte. Esperamos, sinceramente, que a Federação Gaúcha de Automobilismo revogue este adendo e cumpra o que foi convencionado pelos principais atores do espetáculo, os pilotos.

Equipe Automobilismo em Foco


2025 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response