http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

João Campos conquista sétimo título e Márcio Campos mantém índice de 100%

Pai e filho confirmam bicampeonato no Mercedes-Benz Grand Challenge por antecipação e reforçam estatística histórica

Um quinto e um sexto lugar nas duas corridas que compuseram a sétima e penúltima rodada dupla, disputadas sábado (1º) e domingo (2) no Autódromo Internacional de Cascavel Zilmar Beux, garantiram a João Campos e Márcio Campos o segundo título consecutivo no Mercedes-Benz Grand Challenge. As corridas foram vencidas por Neto de Nigris e Fernando Júnior, que mantêm-se na disputa pelo vice-campeonato da temporada de 2012.

No caso de João, piloto de 58 anos que representa a cidade catarinense de Itapema, o título de 2012 é o sétimo em oito campeonatos nacionais. A série foi iniciada em 2001, na Pick-up Racing, quando conquistou o primeiro de seus cinco títulos consecutivos na categoria. Em 2006, o piloto participou da única temporada da Super Clio. Retirou-se das pistas e voltou a pilotar em 2011, na primeira temporada do Grand Challenge, onde foi campeão.

“Deve ser um recorde mundial”, brincou João, acerca de sua sequência de títulos – foi campeão em 87,5% das competições que disputou no século 21. O índice de títulos de seu filho Márcio, em que pese a carreira ainda curta, é de 100%. Ele estreou no automobilismo em 2010, quando conquistou o título da categoria Novatos no Campeonato Gaúcho de Marcas. Em 2011 e 2012, em dupla com o pai, foi bicampeão do Mercedes-Benz Grand Challenge.

O gaúcho João Campos conquista o seu sétimo título nacional.

Avaliando o resultado positivo das duas temporadas da categoria, João Campos atribui a conquista dos dois títulos ao trabalho metódico. “Isso é fruto do profissionalismo com que encaramos o campeonato, do planejamento, tudo é feito com atenção aos detalhes. O foco da equipe faz a diferença, estão todos sempre muito ligados a tudo. E nós nos submetemos, por opção, a um nível de exigência muito alto. Tem funcionado bem”, observa o bicampeão.

Tanto na campanha vitoriosa em cinco temporadas na Pick-up Racing quanto no Mercedes-Benz Grand Challenge, João estruturou equipe própria. “A vitória na pista começa na organização da equipe. Tenho 27 anos de estrada no automobilismo e já compreendi que o melhor jeito de conseguir resultados é conseguir implantar a própria filosofia de trabalho, sempre respeitando o nível de exigência e a confiança dos patrocinadores”, acrescenta.

Aos 26 anos, Márcio Campos chegou a seu terceiro título em três anos. “Eu honestamente não imaginava conseguir ser campeão três vezes, logo em início de carreira. Na verdade, nunca me imaginei correndo ao lado do meu pai, embora eu sempre tenha acompanhado as corridas dele”, admite. “Além de ter um companheiro de equipe que dispensa apresentação, tenho uma escola e tanto para o automobilismo dentro de casa”, observa, reverenciando João.

Três disputas de título, três campeonatos: um gaúcho de marcas e dois nacionais com a MBGC.

João e Márcio Campos levaram a equipe Sicredi Racing a oito vitórias nas 14 corridas já realizadas em 2012. No ano passado, o título veio com cinco vitórias em 14 corridas. A equipe tem apoio de Icatu e Mapfre, seguradoras parceiras da Corretora de Seguros Sicredi. A oitava e última rodada dupla do Mercedes-Benz Grand Challenge em 2012 terá suas corridas nos dias 15 e 16 de dezembro, no Autódromo José Carlos Pace, em São Paulo.

MERCEDES-BENZ GRAND CHALLENGE – CLASSIFICAÇÃO
1º) João Campos/Márcio Campos (SC/RS), Sicredi Racing, 224
2º) Neto de Nigris (SP), De Nigris-Europamotors, 186
3º) Fernando Júnior (RS), WCR Powered, 182
4º) Cesare Marrucci (SP), Center Bus-Petrobras, 147
5º) Rubens Tilkian (SP), Comark Racing, 129
6º) Leo de Nigris (SP), De Nigris-Europamotors, 89
6º) Arnaldo Diniz Filho (SP), Comark Racing, 89
8º) Michelle de Jesus (SP), Pink Energy Team, 86
9º) Amorim Júnior (SP), RSports Racing, 85
10º) Edson Júnior (MG), RSports Racing, 82
11º) Sérgio Martinez (SP), Pink Energy Team, 78
12º) Humberto Santos (SP), RSports Racing, 66
13º) Renato Camargo (SP), De Nigris-Europamotors, 61
14º) Beto Rossi (SP), Center Bus-Petrobras, 49
15º) Peter Gottschalk Júnior (SP), Paioli Racing, 45

Texto: Grelak Comunicação – (45) 3037-6667
Imagens: Automobilismo em Foco (Fernando Peres Nunes) – (51) 9372-0606 / (51) 9468-0906


1839 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response