http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Fórmula Truck vai abrir temporada de 2013 com corrida em Tarumã

Volta do circuito gaúcho será uma das novidades do próximo calendário, que também marcará a volta de Londrina à categoria

A 18ª temporada do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck já tem data marcada para começar. A primeira das dez etapas de 2013 será disputada no dia 10 de março no Autódromo Internacional de Tarumã, em Viamão, cidade da região metropolitana de Porto Alegre, segundo confirmou nesta sexta-feira (9) a presidente da categoria, Neusa Navarro, durante coletiva no Autódromo Internacional de Curitiba, palco da corrida de domingo (11).

O anúncio feito pela dirigente aos jornalistas coincidiu com o quarto aniversário da última corrida da F-Truck no circuito gaúcho, realizada em 9 de novembro de 2008 e vencida pelo brasiliense Geraldo Piquet. “O autódromo de Tarumã passou por uma reforma muito boa, nós estivemos lá conferindo tudo que foi feito. Foi no Rio Grande do Sul que nossa história começou, em 1996, e voltar a Tarumã é algo que me deixa realmente feliz”, declarou.

Outro circuito que volta ao calendário para o campeonato do ano que vem é o Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina – cidade do líder da atual temporada, Leandro Totti. Com a confirmação dos retornos de Viamão e Londrina, saem do calendário o Rio de Janeiro, cujo autódromo acaba de ser desativado, e o Velopark, também no Rio Grande do Sul, onde a categoria teve duas corridas, uma em 2010 e outra na abertura da atual temporada.

Leandro Totti, o líder da temporada 2012


“O Rio Grande do Sul tem quatro autódromos, e para nós é inviável ter corridas em todos eles no mesmo ano. As etapas de 2013 serão em Tarumã e Guaporé. Com a volta de Londrina, teremos três corridas no Paraná”, citou a presidente da Fórmula Truck, revelando a manutenção das etapas de Curitiba e também de Cascavel, que voltou a receber a categoria no campeonato deste anos, depois de cinco temporadas fora do calendário.

Neusa também falou sobre os planos para a internacionalização da categoria, processo em andamento desde 2009, quando a categoria teve uma corrida fora do país pela primeira vez – depois de três anos em Buenos Aires, em 2012 foi Córdoba a sede da etapa na Argentina. Ela descartou a chance de realizar uma corrida nos Estados Unidos no próximo campeonato e admitiu a possibilidade da inédita ida da Fórmula Truck ao México.

“A etapa no México está 90% certa. Uma coisa nova que nós estamos esperando, agora, é uma resposta da Fórmula 1. Com o cancelamento do GP em Nova Jersey, a Fórmula 1 está considerando fazer uma corrida no México, também no autódromo da Cidade do México. Se isso acontecer, o autódromo vai passar por uma reforma e isso vai inviabilizar a nossa ida”, explicou Neusa. “Mas nada está definido. Se não for em 2013, vai ser em 2014”.

A proposta de calendário para o próximo campeonato da F-Truck já foi enviada à Confederação Brasileira de Automobilismo. “Nossa expectativa é de que todas as pistas e datas sejam aprovadas”, falou a dirigente. A coletiva deu-se momentos antes do primeiro treino livre para o GP Crystal, penúltima etapa da temporada de 2012. Totti, Giaffone e Monteiro são os únicos candidatos ao título. Totti, líder, pode finalizar a etapa como campeão brasileiro.

Texto: Grelak Comunicação
Imagens:Automobilismo em Foco (Murilo Carvalho)


1834 dias ago by in Automobilismo , Modalidades , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response