http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Em nova equipe na temporada 2017, Augusto Farfus comenta novidades do DTM e desafio em Daytona

Único brasileiro no grid do DTM, Farfus integrará a equipe BMW Team RMG (onde corre o atual campeão) em um ano com novo regulamento técnico. Ainda neste mês, ele participa de testes para as 24 Horas de Daytona

Há quase dois meses, Augusto Farfus disputou a última etapa do campeonato 2016 do DTM em Hockenheim, mas isso não quer dizer que o piloto já está de férias, muito pelo contrário. Na última semana (29 de novembro a 2 de dezembro), Farfus participou de uma sessão de testes em Jerez de la Frontera, na Espanha, para o desenvolvimento do carro 2017, que contará com um novo regulamento técnico. Os carros terão nova aerodinâmica, um motor mais potente e pneus mais macios, o que deve resultar em carros aproximadamente 2 segundos mais rápidos que os modelos atuais.

301682_667063_bmw_3

As novidades para a temporada 2017, porém, não estão somente na parte técnica dos carros. A BMW terá uma reestruturação em seu time no DTM. Em 2016, a montadora bávara esteve representada no principal campeonato de carros de turismo do mundo por oito pilotos divididos em quatro times: Team MTEK (Augusto Farfus e Bruno Spengler), Team RMG (Marco Wittmann e Timo Glock), Team RBM (Tom Blomqvist e Maxime Martin) e Team Schnitzer (António Félix da Costa e Martin Tomczyk).

Já no ano que vem, seis pilotos da BMW estarão organizados em apenas dois times: Farfus ingressará no Team RMG, ao lado do atual campeão Wittmann e do ex-F1 Glock, enquanto Bruno Spengler se junta a Blomqvist e Martin no Team RBM. A equipe Schnizter estará focada em competições de Gran Turismo e de longa duração, assim como o piloto português Félix da Costa, que foi transferido para o programa de endurance da montadora, além de continuar correndo na Formula-E. Tomczyk anunciou sua aposentadoria após 16 anos na categoria. A atual equipe de Farfus, o Team MTEK, estará dedicada ao programa de ingresso da montadora no Campeonato Mundial de Endurance (WEC), o que acontecerá de fato em 2018.

301682_667065_p90244124_highres_jere__de_la_frontera

O curitibano de 33 anos se mostrou animado com a mudança, e acredita em um ano vitorioso com sua nova equipe, já que eles conquistaram o título de pilotos com Wittmann em 2014 e 2016, e o título de melhor equipe em 2014. Por ser um ano de novidades no regulamento técnico, o trabalho de três pilotos experientes dentro do time irá otimizar o desenvolvimento do carro e testes de acertos, mesmo com o curto tempo de treinos durante as etapas.

Das nove rodadas duplas previstas no campeonato 2017, apenas as duas primeiras já tem data e local confirmados. Como de costume, a abertura da temporada acontece em Hockenheim, entre os dias 5 e 7 de maio, e a segunda etapa acontece duas semanas depois, em Lausitzring, ambas na Alemanha.

Desafio em Daytona:

Antes de tirar alguns dias de descanso para as festas de fim de ano, Augusto ainda tem mais um importante compromisso nas pistas. Entre os dias 12 e 13 de dezembro, ele participa dos primeiros treinos de preparação para disputar novamente as 24 Horas de Daytona – que serão realizadas de 26 a 29 de janeiro, marcando a abertura do IMSA WeatherTech SportsCar Championship.

Farfus terá como companheiros o canadense Bruno Spengler, o norte-americano Bill Auberlen e o britânico Alexander Sims, a bordo do “Art Car” da BMW, modelo M6 GTLM, que terá uma pintura especial feita pelo artista norte-americano John Baldessari – cujo estilo mescla fotos cotidianas e pinturas modernas. Essa não é a primeira vez que a BMW transforma seus carros em obras de arte. Na verdade, até agora já foram 17 modelos customizados por artistas como Andy Warhol e Jeff Koons (o mais recente, em 2010), por exemplo.

301682_667067__fk75390_600

Augusto Farfus:

“Apesar do campeonato ter acabado há quase dois meses, seguimos trabalhando intensamente no desenvolvimento do carro 2017, quando teremos um novo regulamento técnico. Tivemos sessões de treino no Estoril e em Jerez, e o carro se mostrou cerca de 2 segundos mais rápido. Além disso, estou muito animado por fazer parte do Team RMG a partir do ano que vem, será ótimo correr ao lado do Wittmann e do Glock, e juntos vamos em busca de uma temporada vitoriosa. Agradeço também a todos do Team MTEK por um 2016 de muita dedicação e aprendizados”.

24 Horas de Daytona:

“Essa será a quinta vez que corro as 24 Horas de Daytona. Vamos iniciar agora nossa preparação para essa prova tão importante, já batemos na trave na busca pela vitória em 2015, e teremos novamente um grande time para brigar por esse resultado. Além disso, será um prazer pilotar o Art Car da BMW, que é conhecida por transformar carros em obras de arte, isso fica marcado na história”.

Texto: Mariana Viegas – (11) 97175-9015
Imagens: BMW

316 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.