http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Chuva não intimida pilotos do Gaúcho de Marcas e Luiz Ribeiro vence em Tarumã

Domingo foi de chuva em Viamão, mas os pilotos dividiram curva e disputaram de forma acirrada na pista

A pista molhada e escorregadia não colocou medo nos pilotos do Campeonato Gaúcho de Marcas & Pilotos que mostraram a competitividade de sempre na pista de Tarumã na corrida de domingo (04/05). Com um grid formado por 27 carros sobrou emoção nas duas baterias realizadas no circuito de Viamão.

A pole position foi de Luiz Ribeiro, com o carro número 44. Ao sinal verde, o piloto da cidade de Bom Retiro do Sul patinou e acabou perdendo o primeiro lugar para Fabiano Cardoso do Celta 83. A disputa seguiu acirrada e, em uma manobra ousada na Curva 1, Ribeiro reassumiu a liderança debaixo de muita chuva.

Disputas acirradas

Disputas acirradas


Na tentativa de recuperação, poucas voltas depois, Fabiano Cardoso acabou rodando e batendo no muro de pneus entre a Curva 1 e a Curva 2. Quem passou a perseguir o líder foi Rodrigo Miguel com o Celta 85 e por muito pouco não conseguiu cruzar a bandeirada na dianteira terminando a apenas 7 milésimos de segundo atrás de Luiz Ribeiro, uma das menores diferenças entre o vencedor e o segundo colocado, já registradas na história de Tarumã.

- Estávamos com uma distância boa e no final perdemos rendimento. O carro é completamente diferente do antigo e a maneira de guiar também – afirmou Ribeiro.

Na segunda bateria mais emoções. Rodrigo Miguel com o Celta 85 pulou na frente, mas sustentou por poucas voltas a pressão do carro 44 de Luiz Ribeiro.

- Consegui pular na frente, mas foi complicado segurar. Estava complicado guiar na pista molhada. Fui sempre procurando uma parte limpa da pista para ultrapassar, mas não deu – disse Rodrigo Miguel.

Por causa de um acidente a Curva do Tala Larga ficou suja e escorregadia causando a escapada ou rodada de diversos competidores.

O domingo de velocidade teve também outras atrações. Os pilotos da Copa Fusca enfrentaram a pista molhada com um grid de 17 carros. Tiago da Silva, com o carro 54 venceu a primeira e também a segunda bateria, terminando com a melhor soma de tempos.

A Fórmula 1.6 e 1.8 trouxe emoção com os velozes monopostos. Melhor para os irmãos Fernando Stédile e Edemar Stédile que fizeram dobradinha na primeira bateria. Na segunda prova, houve nova dobradinha, também com vitória de Fernando Stédile do carro número 9.

O Autódromo de Tarumã recebeu ainda os novatos pilotos da Fórmula Junior, categoria dedicada a jovens que ingressam no automobilismo. Lucas Villela venceu a primeira e a segunda corrida.

PlayPress Assessoria de Imprensa


1198 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.