http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

BMW Team Brasil termina primeira corrida em Curitiba com pódio na GT3 e vitória na GT4

Cacá Bueno e Dahruj finalizam corrida em terceiro na GT3 e seguem na ponta do campeonato. Cordeiro também mantém a liderança na GT4 ao lado do novo parceiro Vitor Genz

A primeira corrida da etapa de Curitiba (PR) do Campeonato Brasileiro de Gran Turismo, realizada na tarde deste sábado (26), foi bastante disputada. A dupla do BMW Z4 de número #0, Cacá Bueno/Cláudio Darhruj, largou na pole e terminou em terceiro lugar, mantendo o BMW Team Brasil na liderança da GT3.

Já Valdeno Brito e Constantino Jr., do BMW Z4 de número #1, começaram bem, mas terminaram a corrida em sexto lugar no geral após um problema elétrico no momento da troca de pilotos. A vitória na GT3 ficou com a dupla Sérgio Jimenez e Paulo Bonifácio (Mercedes), seguidos por Cleber Faria e Duda Rosa (Mercedes).

Na GT4, o BMW Team Brasil também se manteve na ponta com o BMW M3 de número #12. Leonardo Cordeiro e o estreante Vitor Genz venceram a prova na pista paranaense. Os companheiros Matheus Stumpf e Patrick Gonçalves não tiveram a mesma sorte e foram obrigados a abandonar com a suspensão traseira quebrada, após um toque na largada.

Muita disputa do começo ao fim

Muita disputa e equilíbrio de posições marcaram a primeira parte da prova. Cacá Bueno largou na pole da GT3 e, depois de perder a ponta na largada, conseguiu se manter entre os três primeiros colocados durante toda a sua performance na pista. O piloto entregou o BMW Z4 para Dahruj na segunda posição.

“A largada foi muito tumultuada, mas não foi novidade. Eu sabia que o pessoal ia vir pra cima de mim. O nosso carro é muito bom, mas ao mesmo tempo ele tem uma deficiência de velocidade em reta que dificultou a minha retomada na largada. Eu dei espaço pro Audi não rodar na pista e acabei me acomodando em terceiro e depois segundo lugar. Fiquei limitado. O carro tinha potencial para continuar acelerando, mas quando você corre atrás de alguém se perde a noção da dinâmica e não consegui mais ultrapassar”, disse Bueno, que ao lado do companheiro Dahruj, está empatado com 50 pontos com a dupla Cleber Faria e Duda Rosa, na liderança da GT3.

Cacá ainda elogiou a recuperação do companheiro Cláudio Dahruj que conseguiu alcançar o terceiro lugar no pódio para a dupla. “O Dahruj fez uma corrida espetacular, com um ritmo muito forte, chegando a ser o mais rápido na segunda parte da corrida, mesmo tendo que pagar um ‘drive thru’”, lembrou.

Dahruj havia perdido posições após ter que cumprir uma punição. O piloto ultrapassou o limite de velocidade nos boxes, após a troca de pilotos. Com o resultado deste sábado, a dupla já tem três pódios nas três corridas disputadas até aqui (uma vitória e dois terceiros lugares).

No outro carro da equipe na categoria, Valdeno e Contantino Jr. largaram em quarto. O paraibano, bicampeão da GT3, parou nos boxes ocupando o terceiro lugar. Foi quando um problema elétrico fez Constantino perder muito tempo parado.

“Fizemos um trabalho razoável, mas infelizmente tivemos um problema elétrico após a troca de pilotos e a primeira marcha não entrava. E esse problema atrasou muito a saída do Constantino. Foi uma pena, porque tínhamos chances de subir no pódio. Mas pelo menos agora estreamos de verdade, marcamos nossos primeiros pontos e agora é trabalhar para buscar a recuperação”, contou Valdeno, lembrando que a dupla ficou de fora da etapa inicial, no Rio Grande do Sul, após uma batida de Constantino nos treinos livres.

Liderança na GT4

Depois da boa estreia no Rio Grande do Sul, o piloto Leonardo Cordeiro seguiu mostrando boa adaptação ao Gran Turismo na sua primeira temporada e se mantém na liderança, com 55 pontos. Neste sábado, em Curitiba, o piloto contou com um novo companheiro, o gaúcho Vitor Genz, líder do MINI Challenge, que também estreou na GT4 com o pé direito e levou o BMW M3 a mais uma vitória (a segunda do carro de número #12).

“Estou fazendo a minha segunda prova de turismo, então ainda estou sentindo um pouco de dificuldade, até por isso procurei ser um pouco mais conservador. Eu larguei por fora, perdi umas posições, mas procurei manter um bom ritmo. O nossa carro evoluiu muito em relação à Santa Cruz. Eu sabia que se eu não forçasse demais os pneus, o Vitor conseguiria também manter um bom ritmo, e foi o que aconteceu. Deu tudo certo”, comemorou Cordeiro.

“Está sendo uma felicidade muito grande competir na BMW e estrear com uma vitória no final da prova foi emocionante”, declarou Genz, que assumiu a primeira posição da GT4 a duas voltas do final.

No outro M3, Matheus Stumpf teve problemas logo no início e Patrick Gonçalves nem chegou a ir para a pista.

“No segundo treino classificatório de hoje, o Patrick já estava sentindo algo errado no câmbio, estava difícil trocar de marcha. Logo no começo da corrida, eu já senti a mesma coisa e, quando estávamos na segunda ou terceira volta, a parte do câmbio que faz o engate entre a 3ª e a 4ª marcha quebrou e fiquei só com a 5ª. Mesmo assim, continuamos na pista para tentar garantir alguns pontos. Só que na largada, eu também levei um toque na roda traseira, que acabou quebrando a suspensão. O resultado já estava comprometido, mas o que nos tirou da prova mesmo foi essa quebra”, explicou Stumpf.

A corrida de amanhã (domingo, 27) será transmitida ao vivo pela RedeTv! e Sportv a partir das 12 horas. Todas as movimentações nos bastidores também podem ser acompanhadas online através das redes sociais da equipe (www.facebook.com/bmwteambrasil e @bmwteambrasil).

No grid para a 4ª corrida do Campeonato Brasileiro de Gran Turismo, o BMW Team Brasil vai ocupar as seguintes colocações: Cláudio Dahruj sai do terceiro lugar na GT3 e Constantino Jr. parte da sétima colocação.

Patrick Gonçalves é pole pela segunda vez na GT4 e Vitor Genz garantiu a dobradinha na largada com o 2º lugar no classificatório.

Festa nos boxes

Além dos pódios, a equipe BMW também comemorou neste sábado o aniversário do chefe de equipe Antonio Hermann, com direito a bolo nos boxes.

O BMW Team Brasil tem o patrocínio do Banco BMG e BMW do Brasil, co-patrocínio das empresas Eurobike e Lenovo e os apoios: Beta Ferramentas, Salsa Mobion, AutoNeg e Corsa.

Confira o resultado da 1a corrida da etapa de Curitiba:

1º) 22 – P.Bonifacio/S.Jimenez (MB, SP/SP), 36 voltas em 50:03.115 (média de 159,45 km/h)
2º) 30 – C.Faria/D.Rosa (MB , SP/RS), a 22.471
3º) 0 – C.Bueno/C.Dahruj (BM , SP/SP), a 23.728
4º) 3 – R.Derani/C.Ricci (FE , SP/RS), a 24.751
5º) 105 – V.Faria/R.Guerra (MB , SP/SP), a 39.116
6º) 1 – V.Brito/Constatino Jr (BM , PA/SP), a 1:04.178
7º) 16 – M.Hahn/A.Kohdair (LA , SP/SP), a 1:04.908
8º) 20 – F.Ebrahim/W.Ebrahim (AU , PR/PR), a 1 volta
9º) 18 – F.Poeta/R.Sandoval (LA , RS/RS), a 2 voltas
10º) 15 – F.Tozzo/R.Mascarello (FE , RS/MT), a 2 voltas
11º) 61 – F.Croce/D.Croce (CO , SP/SP), a 2 voltas
12º) 46 – C.Kray/A.Toso (LA , RS/RS), a 2 voltas
13º) 12 – L.Cordeiro/V.Genz (BM , SP/RS), a 2 voltas *
14º) 57 – S.Laganá/A.Hellmeister (AM , SP/SP), a 3 voltas *
15º) 21 – F.Greco/V.Rossete (MA , SP/SP), a 3 voltas *
16º) 8 – E.Oliveira/W.Freire (FE , SP/SP), a 3 voltas *
17º) 10 – C.Almeida/P.Ventura (LA , RS/RS), a 4 voltas
18º) 82 – M.Melo/J.Gonçalves (GI , SP/SP), a 17 voltas *
19º) 11 – M.Stumpf/P.Gonçalves (BM , RS/BA), a 24 voltas *
20º) 17 – L.Varassin/R.Mathias (VI , PR/SP), a 26 voltas
21º) 6 – V.Pinheiro/L.Burti (LO , SP/SP), a 30 voltas *

* Categoria GT4

Confira o grid da prova de domingo (27):

1º) 20 – Fábio Ebrahim (AU, PR), 1:17.224, média de 172,25 Km/h
2º) 16 – Marcelo Hahn (LA, SP), 1:17.854
3º) 0 – Claudio Dahruj (BM, SP), 1:18.041
4º) 22 – Paulo Bonifacio (MB, SP), 1:18.073
5º) 61 – Fernando Croce (CO, SP), 1:18.251
6º) 30 – Cleber Faria (MB, SP), 1:18.544
7º) 1 – Constatino Junior (BM, SP), 1:18.574
8º) 15 – Raijan Mascarello (FE, MT), 1:19.036
9º) 105 – Vanué Faria (MB, SP), 1:19.286
10º) 3 – Rafael Derani (FE, SP), 1:19.596
11º) 17 – Lorenzo Varassin (VI, PR), 1:21.167
12º) 46 – Andersom Toso (LA, RS), 1:21.387
13º) 18 – Fernando Poeta (LA, RS), 1:21.654
14º) 10 – Cristiano de Almeida (LA, SP), 1:22.269
15º) 75 – Fulvio Marote (LA, SP), 1:23.259
16º) 11 – Patrick Gonçalves (BM, BA), 1:24.290*
17º) 12 – Vitor Genz (BM, RS), 1:24.676*
18º) 57 – Sergio Laganá (AM, SP), 1:26.058*
19º) 21 – Valter Rossete (MA, SP), 1:26.092*
20º) 8 – Eduardo Oliveira (FE, SP), 1:26.275*
21º) 82 – Marçal Melo (GI, SP), 1:26.482*

*Categoria GT4

Texto: Fernanda Gonçalves / Paula Maia
Imagens: Race One


2217 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response