http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Augusto Farfus disputa 24 Horas de Daytona pela segunda vez e aposta em chance real de vitória

Correndo com um BMW Z4 GT3 da equipe norte-americana Turner Motorsport, o brasileiro falou sobre a tradição da prova e destacou os fatores que podem levar o conjunto #94 à vitória neste fim de semana

Há 11 anos, Augusto Farfus disputou pela primeira vez as 24 Horas de Daytona. Desde então, o curitibano teve temporadas vitoriosas em categorias como WTCC e o DTM, onde está desde 2012. Neste tempo, o piloto também correu em outras tradicionais provas de longa duração, como Le Mans e Nürburgring. Agora, Farfus retorna à famosa prova norte-americana mais maduro pessoal e profissionalmente e confia no desempenho do carro e da equipe em busca de uma vitória inédita em sua carreira.
213438_376204_raf30238
Augusto vai disputar a 52ª edição das 24 Horas de Daytona com um BMW Z4 GT3 #94 da equipe Turner Motorsport. Além do brasileiro, o conjunto será composto também por Markus Palttala, Paul Dalla Lana e Dane Cameron. O quarteto está inscrito na categoria GT Daytona (GTD), a mais numerosa do grid. Depois dos primeiros treinos visando a prova, no começo de janeiro, os pilotos voltam à pista nesta semana para os ajustes finais, realização dos treinos livres, sessão classificatória e da corrida.

A prova, que marca a abertura da temporada de estreia do Tudor United SportsCar Championship, será disputada num traçado com trechos de misto e do rapidíssimo oval. A largada para as 24 Horas de Daytona está marcada para sábado (25), às 17h10 (horário brasileiro de verão).

“A expectativa para Daytona é muito boa. Acho que, com as mudanças no regulamento para esta prova, os carros estão mais equilibrados, e a nossa Z4 tem uma chance real de vitória na categoria. Trata-se de uma das principais provas de longa duração de todo o mundo, é um prazer muito grande fazer parte do grid. Aprendi que, para se ter chances de vencer numa corrida de 24 horas, primeiro de tudo é preciso chegar ao fim. Então, vamos trabalhar para ter um carro competitivo, um fim de semana livre de problemas e conseguir andar sempre na volta do líder para, nos instantes finais, estar em posição de lutar por uma colocação de destaque”, comenta Farfus.

24 Horas de Daytona, programação:

Quinta-feira (23)
Treino livre 1 – 12:30 às 13:30 – Todas as categorias
Treino livre 2 – 16:15 às 16:45 – Todas as categorias
Classificação GTD – 18:45 às 19.00
Treino livre 3 – 21:30 às 23.00 – Todas as categorias

Sexta-feira (24)
Treino livre 4 – 14:30 às 15:30 – Todas as categorias

Sábado (25)
Sessão de autógrafos 14:30 às 15:15
Largada das 24 Horas de Daytona – 17:10

EverSports
Fotos: MotorsportMedia | Halston Pitman e Rafael Gagliano | Hyset


1422 dias ago by in Automobilismo , Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response