http://farm9.staticflickr.com/8121/8656013157_e45c9229ab_o.pnghttp://automobilismoemfoco.com.br/wp-content/midia/loja-de-rolamentos-novo-hamburgo.gifhttps://c1.staticflickr.com/1/319/32630170275_2dfd0d1bae_o.png

Átila Abreu é o mais rápido no primeiro dia de treinos da Stock Car

Piloto da Mobil Super Pioneer Racing foi um dos únicos pilotos a girar abaixo de 1min20s em Curitiba

A Stock Car começou a temporada 2012 hoje em Curitiba com Átila Abreu, da equipe Mobil Super Pioneer Racing, liderando o primeiro dia de testes coletivos.

“Tivemos uma jornada muito positiva o dia todo. Nossa meta era entrosar o time e testar situações de corrida. Então foi uma surpresa ter terminado o dia em primeiro”, disse Átila.

O piloto de Sorocaba foi o mais veloz do dia ao cravar 1min19s831. Além dele, apenas um outro piloto baixou de 1min20s. Trinta competidores participaram do teste na pista que receberá a segunda etapa da temporada 2012.

“A base do time é a mesma do ano passado, mas a estrutura mudou bastante. Claro que o resultado é gratificante e serve como injeção de ânimo para os mecânicos que trabalharam duro desde o final da temporada passada. Mas o principal é que conseguimos testar as diversas situações de corrida que estavam em nosso planejamento. Isso será muito útil durante a temporada”, disse o piloto, que realizou um total de 67 voltas nas duas sessões de treino – o limite máximo estipulado pelos organizadores era 70.

Átila contou que, no treino da manhã, a Mobil Super Pioneer Racing realizou testes gerais no carro e simulações de circunstâncias de prova que podem ser repetidas durante a temporada, sobretudo com o uso de pneus um pouco mais desgastados. Entender o comportamento dos carros com os compostos mais usados é um dos pontos-chave para a temporada, uma vez que o reabastecimento deixa de ser obrigatório em 2012 – e, assim, a troca de pneus não será boa opção de estratégia.

“Meu carro respondeu muito bem. Consegui passar um bom feedback para o time e foi possível avançar durante a tarde”, acrescentou o piloto do carro número 51, dono de três vitórias e duas poles na principal categoria do automobilismo brasileiro.

“Sabemos que cada um treina uma condição específica aqui e até por termos vindo em primeiro lugar atrás de entrosamento não havíamos criado expectativa para esse primeiro dia em termos de performance. Claro que hoje saio da pista satisfeito. Mas todos no time sabem que ainda há muito trabalho pela frente, já a partir de amanhã”, conclui Átila, acrescentando que teve grande afinidade com o novo chefe de equipe, Thiago Meneghel, logo de cara.

Ex-piloto da categoria e membro das equipes campeãs em 2008 e 2009, Meneghel fez avaliação semelhante à do piloto: “Também achei um resultado surpreendente e fico contente pelo jeito como as coisas funcionaram aqui hoje. Mas tenho certeza de que na corrida aqui será bem diferente. Nesse treino de hoje cada um andou de um jeito. Uns buscam trabalhar confiabilidade, outros a classificação. Quando vimos que o carro respondeu bem, andamos de pneu novo e buscamos performance.”

O chefe de equipe elogiou ainda o trabalho dos dois pilotos. “O contato com o Átila e o Nonô Figueiredo pelo rádio foi ótimo enquanto eles estiveram na pista. Foi acima do esperado nesse sentido. Amanhã nossa programação é um pouco diferente do que estava previsto para hoje, quando as coisas começaram com o pé direito.”

Após enfrentar alguns problemas no treino na manhã, Nonô se recuperou na segunda sessão do dia, encerrando o teste inaugural da Stock Car com o quarto melhor tempo. Nesta quinta, a pista estará liberada das 9h às 12h e das 13h às 15h.

Os tempos gerais da quarta-feira em Pinhais:

1º – Atila Abreu (Chevrolet) – 1min19s831
2º – Max Wilson (Chevrolet) – 1min19s985
3º – Ricardo Mauricio (Chevrolet) – 1min20s146
4º – Nonô Figueiredo (Chevrolet) – 1min20s193
5º – Thiago Camilo (Chevrolet) – 1min20s323
6º – Ricardo Zonta (Chevrolet) – 1min20s353
7º – Diego Nunes (Chevrolet) – 1min20s498
8º – Valdeno Brito (Peugeot) – 1min20s573
9º – Cacá Bueno (Chevrolet) – 1min20s582
10º – Denis Navarro (Chevrolet) – 1min20s630
11º – Allam Khodair (Chevrolet) – 1min20s640
12º – Daniel Serra (Chevrolet) – 1min20s658
13º – Marcos Gomes (Peugeot) – 1min20s761
14º – Lico Kaesemodel (Chevrolet) – 1min20s771
15º – Galid Osman (Chevrolet) – 1min20s811
16º – Julio Campos (Peugeot) – 1min21s004
17º – Luciano Burti (Peugeot) – 1min21s053
18º – Alceu Feldmann (Peugeot) – 1min21s080
19º – Vitor Meira (Chevrolet) – 1min21s284
20º – David Muffato (Peugeot) – 1min21s334
21º – Popó Bueno (Chevrolet) – 1min21s365
22º – Duda Pamplona (Chevrolet) – 1min21s435
23º – Xandinho Negrão (Peugeot) – 1min21s665
24º – Antonio Pizzonia (Peugeot) – 1min21s822
25º – Ricardo Sperafico (Peugeot) – 1min21s871
26º – Eduardo Leite (Chevrolet) – 1min22s085
27º – Pedro Boesel (Peugeot) – 1min22s270
28º – Rodrigo Sperafico (Peugeot) – 1min22s468
29º – Rodrigo Navarro (Peugeot) – 1min24s965

Texto: Luis Ferrari – Mobil Super Pioneer Racing – (11) 3284.6101 e (11) 9919.3484
www.rf1jornalismo.com.br

Imagens*: Automobilismo em Foco (Fernando Peres Nunes)


*imagens realizadas em etapa no Autódromo Internacional Velopark em novembro de 2011.

2028 dias ago by in Notícias | You can follow any responses to this entry through the RSS feed. You can leave a response, or trackback from your own site.

Leave A Response